Marketing Viral – O que é e como aplicar?

marketing viral

marketing viral

Nos dias de hoje, Marketing é uma das palavras mais pronunciadas, seja para a promoção de empresas, pessoais individuais, serviços, produtos, etc., sem a promoção certa, dificilmente conseguirá atingir o volume desejado de clientes e interessados. Porém, para conseguir que o marketing tenho o efeito desejado é imprescindível que siga uma determinada série de regras e lições básicas, especialmente se o seu objectivo é tornar tudo criativo, inesquecível, viral.

No que diz respeito ao Marketing Viral, é fácil perceber que o objectivo é chegar a um grande número de pessoas, de uma forma exponencial e com uma grande rapidez, usando todas as possíveis ferramentas necessárias para produzir um aumento exponencial de visualização de forma positiva. Geralmente os meios mais utilizados são as redes sociais e a comunicação social, criando uma imagem forte e que consiga chegar ao máximo de pessoas possível, seja de que faixa etária for e até de classes sociais distintas.

A utilização das redes sociais para a criação de marketing viral tornou-se uma das melhores ferramentas para as empresas, com um custo baixo comparando a outras formas e ainda a grande vantagem do número de pessoas atingidas, dada é a enorme adesão que as redes sociais tiveram nos últimos anos.

Mas afinal… o que é Marketing Viral ?

O ser humano possui características muito semelhantes, independentemente da sua faixa etária ou mesmo da classe social, o que em termos práticos significa que quando gosta de algo particularmente, terá uma tendência enorme para partilhar a informação, seja com amigos, familiares ou mesmo desconhecidos (como acontece nas redes sociais). Por sua vez, essas pessoas com quem partilhou, irão seguir o mesmo caminho e assim consecutivamente, tornando assim tudo muito mais viral do que foi imaginado pela empresa. Do ponto de vista do responsável pela campanha em si, existem algumas razões lógicas para tentar a sua sorte:

Custo – sendo o planeamento feito todo por uma equipa especializada, utilizando as redes sociais e os conteúdos por elas produzidos, os custos associados são relativamente baixos, mesmo que sejam necessários profissionais a trabalhar várias horas para produzir os materiais da promoção, a forma como o conteúdo se vai espalhar de forma viral, é um custo reduzido e único, já que são os utilizadores das redes sociais que se vão tornar nos próximos agentes de marketing da empresa.

Alcance – o mesmo acontece com o tipo de alcance que é possível com uma campanha desta dimensão, colocando milhões de possibilidades para novos clientes, principalmente se estivermos a falar de uma campanha muito bem produzida, para o mercado internacional, fazendo com que o nome da empresa e da própria campanha ande nas bocas do mundo durante largos dias.

Distribuiçãoo marketing viral é muitas vezes comparado com um vírus, pois de uma forma muito rápida, pode chegar aos quatro cantos do mundo, desde que para isso haja um esforço inicial dos responsáveis por criar um produto que seja interessante e que possa chamar a atenção de todos. O nome do produto, a campanha e o nome da empresa podem mesmo chegar a países que nunca seria possível, a não ser com um grande esforço profissional e custos elevadíssimos.

Memorização – quantos mais utilizadores virem o seu conteúdo e a sua campanha, mais saberão quem é a empresa, o que faz e o que tem para oferecer a possíveis clientes. O marketing viral tem ainda a grande capacidade para tornar novos clientes fiéis, seja através de uma grande campanha, ou simplesmente por uma inteligente forma de abordar um assunto.

Técnicas para criar Marketing Viral

Existem vários tipos de estratégias e técnicas que visam a melhoria do marketing viral, seja para que tipo de negócio for, desde que consigam atingir o máximo de possível.

-> SE É GRÁTIS, O CLIENTE GOSTA!

Praticamente tudo o que existe na Internet é gratuito, daí que os utilizadores gostam tanto de usar, por isso se há algo grátis, então o cliente gosta. Este é um aspecto poderoso em marketing, se ainda não leste aconselho vivamente a leres: “Marketing – The ZERO effect – O efeito zero

A verdade é que o ser humano adere com muito mais facilidade quando vê a palavra “grátis”, pois isso implica que há sempre algo novo a trazer para casa e sem despender de um único cêntimo, mesmo quando esse grátis só ocorre depois de uma compra, há sempre um pensamento que centra toda a atenção no grátis.

A ideia do marketing viral é dar para vender, isto é, oferecer uma amostra do produto, uma versão inferior, dias para experimentar, mini-cursos, etc., tudo o que tenha um determinado valor para o visitante e que possa ser adquirido por custo zero, é uma excelente forma para ficar na memória do cliente.

-> SE É CÓMICO, ENTÃO EU VOU PARTILHAR!

As pessoas precisam de se divertir, mesmo quando estão em momentos de trabalho, se há algo que lhes chame a atenção e os faça rir alguns segundos ou minutos, então é sinal que conseguiu captar a mensagem que era desejada.

Produza uma campanha que ao mesmo tempo que transmite a mensagem essencial, tenha uma pitada de comédia, inteligente de preferência e que se adapta à maioria das pessoas, sem recorrer a racismo, ou algo negativo.

-> SE É SOLIDÁRIO, ENTÃO EU VEJO!

Nem todas as campanhas precisam de ser solidárias com alguma causa, porém se existe uma pequena vertente, então rapidamente se vai tornar viral. Exemplo disso são as campanhas publicitárias no facebook das empresas de alimentação para animais que a cada fã que recebem, doam uma determinada quantia de comida para causas particulares, criando uma corrente positiva e viral junto da empresa em si.

Tente transmitir sempre uma mensagem solidária e rapidamente terá um grande número de interessados na campanha, na empresa e consequentemente nos produtos.

-> SE É ÚTIL, O CLIENTE PROCURA!

Uma das utilizações mais comuns da Internet é a procura de informação útil, seja para momentos de lazer (ideias para festejos, ideias de férias, dicas para férias baratas, ideias para investimentos, etc.), seja para momentos profissionais (tirar dúvidas, continuar a formação ou mesmo melhorar certos aspectos profissionais). Por isso, se é informação útil para o cliente, então ele vai procurar, vai encontrar e vai partilhar com os seus amigos, familiares ou colegas de profissão.

Imagine que cria uma campanha com informação útil, diferente do normal e que se torna extremamente útil para uma determinada quantidade de pessoas de um sector profissional, certamente que entre eles vão partilhar a informação e chegar a um nível viral bastante grande.

CONCLUSÃO E UM VIDEO DE MARKETING VIRAL!

Em jeito de conclusão, o Marketing Viral tornou-se um dos grandes aliados das empresas nos últimos anos, recorrendo às redes sociais e com um custo extremamente reduzido, conseguiram chegar a um grande número de potenciais clientes, produzindo campanhas inteligentes e interessantes que durante dias, semanas ou mesmo meses, estiveram a ser partilhadas, comentadas e distribuídas por esse mundo fora.

Deixo-vos então aqui um video feito explicativo sobre uma campanha de marketing levada a cabo por uma empresa:

About Renato Pimpão

Fundador do MundoDinheiro. Estudante de Informática de Gestão na ULHT (Lisboa). Empreendedor, ProBlogger e simpatizante das novas tecnologias (Ou talvez um pouco mais que isso), desde 2007 em IM. Perfil Google +1

Comments

  1. Sem dúvida a internet é o melhor canal para o marketing viral, e saber utilizar os gancho (comicos, críticos ou inéditos) são a melhor saída!

  2. Um excelente artigo, Renato. Parabéns! Conteúdos engraçados, solidários ou úteis realmente tem um grande potencial de viralizar. Sucesso!

  3. Parabéns pelo artigo, está muito completo com informações relevantes. A distribuição de um e-book grátis é uma das melhores formas de conseguir realizar um marketing viral, e certamente é uma das mais utilizadas.

  4. Excelente!
    Você citou os pontos exatos que fazem com que o marketing viral atinja o leitor, ser gratuito, engraçado, solidário e útil… Esses são essenciais para que o leitor não somente leia e repasse a mensagem, como para que ele seja mais um a aderir o produto oferecido por ela! E a melhor parte é que isso tudo acontece sem que a empresa tenha muitos gastos com divulgação e planejamento para públicos específicos. Parabéns pelo post!

Speak Your Mind

*